Topo

Livros e HQs

Jornalista desaparecido na China estaria preso

Pedro Carrilho/Folhapress
A escritora Ana Maria Machado Imagem: Pedro Carrilho/Folhapress

Emmanuelle Trécolle

De Paris

20/03/2015 11h17

Pequim, 20 Mar 2016 (AFP) - Um jornalista chinês desaparecido há vários dias foi preso por seu envolvimento em um caso, cuja natureza não foi explicada, denunciou neste domingo seu advogado, citando as autoridades.

Jia Jia desapareceu na terça-feira depois de passar pela alfândega do aeroporto internacional de Pequim, antes de embarcar em seu voo para Hong Kong, onde devia participar em seminário universitário, segundo a Anistia Internacional.

A Anistia Internacional e o Comitê de Proteção dos Jornalistas (CPJ) relacionaram o desaparecimento de Jia com a publicação este mês no site chinês Wujie News de uma carta aberta pedindo a demissão do presidente chinês Xi Jinping.

O texto, que foi retirado rapidamente do site, estava assinado por membros do "Partido Comunista Leal".

tjh-ehl/ros/es/dmc/cn

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!