Entretenimento

Bill Cosby volta aos palcos após acusações de estupro nos EUA

25/02/2015 22h32

Los Angeles, 26 Fev 2015 (AFP) - O veterano ator americano Bill Cosby anunciou nesta quarta-feira que volta aos palcos, depois de ficar três meses afastado da vida pública por causa das acusações de estupro de mais de 20 mulheres.

Cosby se apresenta em 27 de fevereiro, em Lafayette, cidade de Louisiana (sul dos Estados Unidos), para "voltar a fazer as pessoas rirem", explicou em uma nota.

"Queridos seguidores: há 53 anos vocês me deram seu amor, apoio, respeito e confiança. Obrigado! Mal posso esperar a hora de ver seus sorrisos no rosto e aquecer seus corações com o melhor dos presentes: o riso. Estou pronto!", declarou.

Desde meados de novembro de 2014, o comediante, de 77 anos, enfrenta acusações de cerca de 20 mulheres, que afirmam terem sido drogadas e sexualmente agredidas por ele.

Muito querido pelo público por seu programa "The Cosby Show" (1984-1992), ele negou categoricamente as denúncias, sem conseguir evitar o mal-estar da indústria do entretenimento.

Há alguns meses, o Netflix e a rede NBC adiaram os projetos que estavam sendo desenvolvidos junto com o ator, que ficou "na geladeira" desde então.

As mulheres denunciam que foram drogadas e violentadas há várias décadas, algumas na mansão do fundador da revista Playboy. A maioria das acusações já prescreveu.

O único caso que pode chegar aos tribunais é o de Chloe Goins, que relatou ter sofrido abusos em 2008 na famosa mansão.

A polícia de Los Angeles está revendo seu depoimento para decidir se abrirá uma investigação e se, eventualmente, serão apresentadas acusações contra o ator.

No momento, o humorista disse estar concentrado em seu retorno aos palcos, no Teatro de Lafayette. Segundo ele, os proprietários do estabelecimento lhe deram "um apoio constante".

"Estou longe de ter terminando", garantiu, referindo-se à carreira.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo