PUBLICIDADE
Topo

Morre atriz egípcia Faten Hamama, ícone do cinema árabe

17/01/2015 18h10

Cairo, 17 Jan 2015 (AFP) - A atriz egípcia Faten Hamama, um ícone do cinema árabe e ex-mulher do famoso ator Omar Sharif, faleceu neste sábado, aos 83 anos - declarou seu filho Tarek Sharif à AFP.

Fruto da união da atriz com o ator Omar Sharif, Tarek não especificou as causas da morte, mas a agência oficial de notícias Mena declarou que "a grande dama do cinema árabe" teve "um problema de saúde repentino que causou seu falecimento".

Segundo a Mena, Faten já havia sofrido "há algumas semanas" um problema de saúde que a levou para o hospital.

Faten não tinha nem dez anos quando começou sua carreira no cinema. Atuou em mais de 100 filmes e trabalhou com alguns dos grandes diretores egípcios, entre eles Yussef Chahin. Dividiu as telonas, algumas vezes, com o ex-marido Omar Sharif, de origem egípcia, que se converteu ao Islã para casar com ela.

O casal acabou se divorciando, quando Sharif, já famoso no Egito, lançava sua carreira em Hollywood. Isso não impediu o ator de descrever Faten como o único amor de sua vida.

A carreira da estrela, uma das figuras da idade de ouro do cinema egípcio, atingiu seu auge entre os anos 1950 e 1970.