Topo

Livros e HQs

Diretor da inteligência americana é alvo de hackers

Bertrand Guay/AFP
Capa da revista "Charlie Hebdo" do dia do atentado traz o autor Michel Houellebecq, autor do livro "Soumission" Imagem: Bertrand Guay/AFP

De Paris (França)

13/01/2015 00h46

Washington, 13 Jan 2016 (AFP) - Um hacker conseguiu invadir as contas de telefone e de internet do diretor da inteligência americana, James Clapper, informou o site Motherboard.

Brian Hale, porta-voz do serviço dirigido por Clapper, o ODNI (Escritório do Diretor da Inteligência Nacional), confirmou a notícia, mas não revelou detalhes do ataque.

"Estamos a par do caso. Nós o comunicamos às autoridades competentes", disse à AFP.

De acordo com o site de notícias, o hacker conseguiu as senhas necessárias acessar as contas de Clapper na Verizon, empresa que fornece o serviço de telefone e internet na residência do diretor, e desviou as ligações para uma organização palestina com sede na Califórnia, Free Palestine Movement.

Também conseguiu entrar em uma conta do serviço de mensagens Yahoo! utilizada pela esposa de Clapper, de acordo com o site.

O hacker, que utiliza o pseudônimo "Cracka", integra um grupo já envolvido em um ataque ao e-mail privado do diretor da CIA, John Brennan.

Em outubro, o WikiLeaks publicou vários documentos procedentes da conta de correio eletrônico pessoal de Brennan enviados entre 2007 e 2009, antes de ele assumir o comando da agência de inteligência americana.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Livros e HQs