Entretenimento

Escritor grego Menis Kumandareas morreu estrangulado

08/12/2014 13h40

ATENAS, 08 dez 2014 (AFP) - O escritor grego Menis Kumandareas, de 83 anos e um dos mais conhecidos em seu país, morreu estrangulado, segundo a necropsia realizada no corpo, que foi encontrado no sábado, em sua residência em Atenas.

O escritor recebeu, além disso, socos na barriga e no rosto, segundo a perícia.

De acordo com os primeiros elementos da investigação, o autor tinha saído na sexta-feira à noite com alguns amigos a um bairro próximo de sua casa. Num certo momento da noite, disse que precisava dar um pulo em casa, mas não voltou mais. A porta de sua casa não possuía sinais de ter sido forçada, segundo a polícia.

Autor de inúmeros romances, contos e ensaios desde os anos 60, Menis Kumandareas recebeu duas vezes o Prêmio estatal de romance e foi traduzido para várias línguas.

Também traduziu para o grego autores como Ernest Hemingway, F. Scott Fitzgerald e William Faulkner.

str-smk/avl/eg/cn

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo