Topo

Entretenimento

Controverso e milionário, Jeff Koons diz que busca fazer "arte acessível"

Folha.com
O artista plástico americano Jeff Koons Imagem: Folha.com

De Paris (França)

24/11/2014 11h01Atualizada em 24/11/2014 11h39

O controverso astro da arte contemporânea Jeff Koons, que apresenta a partir de quarta-feira (26) uma retrospectiva de sua obra em Paris, afirma que o objetivo de sua arte é ser acessível a todos para que não se torne uma experiência intimidadora.

"Não busco necessariamente fazer uma arte popular, mas uma arte acessível", disse o americano à AFP durante a preparação de sua exposição no museu Centro Pompidou de Paris.

O pai do "neopop" é um dos artistas mais caros do mundo. Sua escultura "Balloon Dog", em versão laranja, foi leiloada ao preço recorde de 58,4 milhões de dólares em 2013.

Mas a obra do ex-marido de Cicciolina, a ex-estrela italiana da pornografia, é controversa e alguns o consideram um fenômeno comercial.

"Penso que as críticas e os julgamentos impedem as pessoas de experimentar a arte", responde serenamente o artista de 59 anos.

"Lembro que quando fazia imagens publicitária,s havia me retratado ao lado de um porco e com um porco nos braços. Queria me retratar como um porco, antes que alguém fizesse isso em meu lugar", afirma.

"Quando realizo uma obra de arte, quero que aqueles que a virem, não importa seu meio social, jamais se sintam indignos dela", afirma Koons, filho de um decorador.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento