Entretenimento

Google e Universidade de Oxford trabalharão com inteligência artificial

23/10/2014 18h36

S¥O FRANCISCO, Estados Unidos, 23 Out 2014 (AFP) - O site de buscas Google anunciou nesta quinta-feira que se associará com especialistas em inteligência artificial da Universidade de Oxford para trabalhar a inteligência das máquinas e fazê-las pensar como pessoas.

Os professores de Oxford por trás das empresas emergentes Dark Blue Labs e Vision Factory trabalharão com a DeepMind, uma empresa sediada em Londres, comprada pelo Google no começo do ano.

O objetivo do trabalho será fazer que as máquinas compreendam melhor o que veem e escutam, o que terá um uso potencial em serviços como de assistentes virtuais intuitivos e ferramentas de busca.

Os termos financeiros do acordo não foram anunciados, mas o cofundador da DeepMind e vice-presidente de Engenharia do Google, Demis Hassabis, escreveu em um blog que inclui uma "contribuição substancial" para estabelecer uma sociedade que incluirá estágios, conferências conjuntas e oficinas de trabalho.

O Google está entre um grupo de investidores que participou esta semana do financiamento por 542 milhões de dólares da Magic Leap, que fabrica software para a realidade aumentada.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo