Topo

Entretenimento

Forças de segurança retiram manifestantes da sede da TV estatal paquistanesa

01/09/2014 06h13

ISLAMABAD, 01 Set 2014 (AFP) - As forças de segurança do Paquistão desalojaram nesta segunda-feira centenas de manifestantes que haviam assumido o controle do edifício da televisão pública em Islamabad.

O grupo conseguiu interromper as transmissões por alguns minutos.

Os manifestantes, que exigem a renúncia do primeiro-ministro Nawaz Sharif, invadiram o prédio do canal PTV, mas foram retirados do local 30 minutos depois, sem violência.

"Manifestantes entraram no prédio da PTV e estão desconectando cabos. Estamos em estado de sítio, estão pirateando nossa transmissão", afirmou um apresentador da emissora no momento da invasão.

Poucos minutos depois, o canal saiu do ar.

Os manifestantes destruíram parte das instalações e derrubaram as fotografias de Sharif. Após a ação das forças de segurança, o canal retomou a programação normal.

Milhares de simpatizantes de Imran Khan, ex-astro do críquete que virou político, e do clérigo Tahir ul Qadri protestam diante do Parlamento desde 15 de agosto para exigir a renúncia do chefe de Governo.

Os opositores acusam Sharif de fraude nas eleições legislativas de maio de 2013.

Os protestos foram pacíficos até sábado à noite, quando os líderes opositores convocaram uma manifestação diante da residência de Sharif.

Diante de milhares de manifestantes, a polícia utilizou, pela primeira vez desde o início dos protestos, gás lacrimogêneo e balas de borracha.

Os confrontos no centro de Islamabad deixaram três mortos e quase 500 feridos.

ga-sjd/fp

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento