Entretenimento

Renúncia coletiva de chefes de redação do jornal francês Le Monde

06/05/2014 11h50

PARIS, 06 Mai 2014 (AFP) - Sete chefes de redação do jornal francês Le Monde anunciaram nesta terça-feira que renunciaram coletivamente as suas funções para protestar contra "a ausência de confiança" na direção do jornal.

"Uma ausência de confiança e de comunicação com a direção da redação nos impede de cumprir com nossas funções", escreveram os funcionários do jornal em uma mensagem interna enviada a Natalie Nougayrède, diretora do Le Monde, e a Louis Dreyfus, presidente da direção do jornal.

"Tentamos fornecer soluções, sem sucesso. Hoje constatamos que não estamos em condições de realizar as tarefas que nos foram confiadas, e por isso renunciamos aos nossos respectivos cargos", escrevem François Bougon, Vincent Fagot, Julien Laroche Joubert, Damien Leloup, Cécile Prieur, Françoise Tovo e Nabil Wakim.

O Le Monde atravessa uma crise há vários meses devido a um plano da direção do principal jornal francês para desenvolver a área digital, segundo os sindicatos às custas da cobertura de setores como meio ambiente ou os conflitos sociais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo