Entretenimento

Egito recupera 10 antiguidades roubadas em protestos anti-Mubarak

29/04/2014 17h09

CAIRO, 29 Abr 2014 (AFP) - O Egito recuperou dez antiguidades roubadas do Museu do Cairo, durante manifestações que terminaram com a renúncia de Hosni Mubarak, em 2011, inclusive uma estátua do faraó Tutancâmon coberta de ouro, anunciou nesta terça-feira o ministro de Antiguidades.

Além dessa estátua, foram recuperadas, entre outras peças, duas de filhos da rainha Nefertiti, afirmou o ministro Mohamed Ibrahim, segundo a agência Mena.

Uma dessas peças foi encontrada na Bélgica e outras oito nos Estados Unidos, acrescentou.

Um roubo ocorreu no célebre museu egípcio em 28 de janeiro de 2011, enquanto na vizinha Praça Tahrir confrontos eram registrados entre forças de segurança e manifestantes que exigiam o fim de três décadas de Mubarak no poder.

Foram roubados 54 objetos, principalmente tesouros que datam dos reinos de Tutancâmon e Akenaton (Amenófis IV). Apenas 35 deles foram recuperados.

ra-sbh/faa/dmc/jo/mvv/dm

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo