Entretenimento

Urso de Ouro para filme chinês provoca curiosidade e perguntas no país

17/02/2014 08h56

PEQUIM, 17 Fev 2014 (AFP) - O Urso de Ouro obtido no Festival de Berlim pelo filme chinês "Black coal, Thin Ice" provocou curiosidade e perguntas nesta segunda-feira no país asiático, onde o longa-metragem ainda não estreou, e entre as dúvidas está uma eventual censura oficial.

O filme do diretor Diao Yinan narra a história de um ex-policial que se apaixona por uma suposta assassina. Tem enigmáticos 'flashbacks' e se passa nos anos 90 no norte da China.

O diretor, até então um cineasta de obras experimentais e autorais, mostrou neste thriller sua faceta mais "comercial".

Liao Fan, o protagonista, recebeu o Urso de Prata de melhor ator.

Após a premiação, o filme foi o mais pesquisado na área de cinema do Sina Weibo, o equivalente chinês do Twitter.

"Por quê os filmes que ganham prêmios são os que nunca são divulgados?", questiona um internauta.

"Com o tema sensível e o forte conteúdo, não sei se permitirão que seja exibido na China, ou se terá muitos cortes", afirma outro.

Apesar das dúvidas, o governo anunciou na imprensa oficial que "Black Coal, Thin Ice" estreará na China em abril ou maio.

fms-bxs/fp

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo