Entretenimento

Pedro Lourenço, o novo nome da moda mundial

31/10/2013 16h43

S¥O PAULO, 31 Out 2013 (AFP) - Antes dos 18 anos ele criou uma coleção, aos 19 debutou na Semana de Moda de Paris e hoje, aos 23, Pedro Lourenço tem um nome na moda dentro e fora do Brasil.

No final do ano passado, a revista Forbes incluiu Pedro em sua lista anual dos 30 jovens com menos de 30 anos que se destacam por seu talento em áreas como moda, educação, música, ciência e saúde, esporte e tecnologia.

Junto do americano Alexander Wang, diretor criativo da Balenciaga, e das gêmeas Ashley e Mary-Kate Olsen, com sua marca The Row, Pedro Lourenço apareceu na lista como "um nome muito comentado entre os 'insiders' da moda".

A revista lembra que Pedro nasceu "em uma família fashion" - é filho dos estilistas Reinaldo Lourenço e Gloria Coelho - e por isso está "mais que familiarizado com o funcionamento interno comercial do ramo".



Modernidade e tradição

"Meu trabalho para mim é como respirar", disse nesta quinta-feira em São Paulo, onde apresentou sua coleção 2014 na Semana de Moda.

Pedro já desfilou nesta passarela, a mais importante da América Latina, mas é a primeira vez com sua própria coleção.

Inspirada na cantora luso-brasileira Carmen Miranda, um ícone do cinema e da música da primeira metade do século XX, a coleção desfilada nesta quinta-feira foi a mesma apresentada no início de outubro na Semana de Moda de Paris.

Referências a abacaxis e borboletas, nada literais, e uma combinação de técnicas como bordado à mão e cortes a laser deram à coleção um ar de modernidade e tradição que, segundo Lourenço, é o que interessa a ele pesquisar.

"Temos que fazer coisas para a época em que vivemos", comentou no backstage do desfile. "Gosto de fazer uma síntese. Colocar tudo em um liquidificador, misturar e conseguir algo novo".

"Estamos um pouco estagnados. Sinto que está faltando desenvolvimento tecnológico e me interesa pesquisar a fusão da alta tecnologia com a costura para criar algo novo", disse em entrevista à AFP.



Do Brasil para o mundo

É jovem, bonito, e com fama de ser difícil de lidar. Não aceitou fotos ou filmagens durante o desfile e recebeu a imprensa depois para falar somente da coleção.

"Menino mimado", disse a ele há alguns anos a famosa consultora de moda Gloria Kalil.

Seu centro de operações está em São Paulo, mas seu nome já ultrapassou fronteiras e sua intenção é se instalar na Europa. É um dos poucos estilistas brasileiros com um nome fora do país.

"Me instalar aqui é realmente uma das ideias que tenho em mente, é uma na qual quero focar minhas energias no próximo ano", disse ele em Paris, depois de apresentar sua coleção em um show online.

"Sou globalizado", afirmou o jovem que começou a criar aos 12 anos e completou sua formação trabalhando na França com Giambattista Valli.

Lourenço usou crepe, tule, gaze, organza, couro, lã e lamê para os looks de sua coleção 2014, em tecidos elaborados na Itália, na Suíça e também no Brasil. As saias e vestidos tinham um aspecto degradê na bainha, com milhares de cristais bordados a mão, enquanto as calças, de cintura muito alta, acentuam o comprimento das pernas e marcam as curvas.

As peças da coleção davam ao corpo um efeito de nudez, um ar sensual com o qual Pedro diz se identificar.

"Gosto de homenagear o Brasil e gosto muito da sensualidade da mulher brasileira", afirmou Pedro.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo