Entretenimento

Alain Delon desiste do concurso Miss França por polêmica sobre extrema-direita

18/10/2013 11h51

PARIS, 18 Out 2013 (AFP) - Alain Delon decidiu abandonar seu título de presidente de honra vitalício do comitê da Miss França depois de uma polêmica com os organizadores do concurso de beleza por declarações de apoio do ator à extrema-direita.

"Seu comitê reagiu em público com veemência a minhas declarações sobre a política na França. Eles têm todo o direito de fazer isso", escreveu Delon à sociedade Miss França, segundo uma cópia do texto obtida pela AFP, onde anuncia sua decisão de renunciar ao título.

Em um comunicado, a sociedade Miss França discordou das declarações de Delon a um jornal suíço, nas quais aprovava o avanço na França do partido de extrema-direita Frente Nacional.

A sociedade Miss França afirmou que se trata de um concurso dedicado ao entretenimento e que as posições políticas de seus membros devem permanecer à margem do evento.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo