Entretenimento

Operários da Odebrecht encontram tumbas dos Lambayeque no Peru

20/08/2013 21h21

LIMA, 21 Ago 2013 (AFP) - Um grupo de operários da empresa brasileira Odebrecht descobriu doze fardos funerários da cultura Lambayeque, de cerca de mil anos, quando realizavam trabalhos de instalação de tubos na região de Olmos, no norte do Peru, informou nesta terça-feira a imprensa peruana.

A descoberta ocorreu na semana passada, no distrito de Olmos, quando a Odebrecht instalava um sistema de irrigação que beneficiará 5.500 hectares na zona de Valle Viejo, 800 km ao norte de Lima.

Os fardos têm cerca de mil anos e foram encontrados nos setores leste e oeste do sítio arqueológico de "Huaca", em Olmos.

Segundo os arqueólogos Kisely Chávez e Tomás Campos, da empresa Assessoria e Serviços (ligada à Odebrecht), os fardos contém corpos de adultos sepultados com objetos de cerâmica, joias e ornamentos, revelou o jornal El Comercio.

A Odebrecht deteve a instalação dos tubos à espera da chegada de peritos do ministério de Cultura, que determinarão a viabilidade de um 'resgate arqueológico', com eventual desvio do traçado da obra.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo