Entretenimento

ESPN demite mais de 300 funcionários

21/05/2013 22h04

NOVA YORK, 22 Mai 2013 (AFP) - O grupo de informação esportiva ESPN, um dos braços mais rentáveis do império Disney, iniciou uma série de demissões que envolverá o corte de entre 300 a 400 funcionários com o objetivo de reduzir custos e absorver a alta dos preços nos direitos de transmissão.

"Colocamos em marcha mudanças na empresa para melhorar nosso crescimento e administrar nossos custos de maneira inteligente. Apesar de exigir decisões difíceis, estamos seguros de que isto nos tornará mais competitivos, inovadores e produtivos", destaca um comunicado da ESPN, sem dar mais detalhes.

"Eliminaremos entre 300 e 400 postos", em grande parte com aposentadorias e cargos que serão eliminados, disse uma fonte ligada à direção da ESPN. Isto representa entre 4% e 6% do efetivo total, de 7.000 funcionários.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo