Entretenimento

Manuscrito de poema inédito de Winston Churchill não é vendido

11/04/2013 11h28

LONDRES, 11 Abr 2013 (AFP) - O manuscrito de um poema inédito escrito pelo ex-primeiro-ministro britânico Winston Churchill, na época com 25 anos de idade, não foi vendido em um leilão em Londres na quarta-feira, informou a casa de leilões Bonhams.

"Foram feitos lances, mas eles não alcançaram a estimativa", entre 14.000 e 17.000 euros. "O manuscrito vai agora regressar ao seu proprietário", o colecionador britânico Roy Davids, disse Bonhams.

Nunca publicado antes, este texto foi escrito provavelmente em 1899 ou 1900, num momento em que Winston Churchill servia no "4th Hussars" do exército britânico na Índia, Sudão e África do Sul.

Intitulado "Nossos lemas modernos" ("Our modern watchwords"), é composto por 40 versos, divididos em estrofes de 10 linhas cada.

Apenas duas estrofes da totalidade do poema foram tornados públicos antes da venda.

O estilo de escrita, que Roy Davids define como "censurável, mas não tão ruim", reflete a juventude de Churchill quando escreveu este poema.

Ele evoca locais exóticos como Weihai, uma cidade no nordeste da China.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo