PUBLICIDADE
Topo

Leilão reúne obra supostamente perdida do escritor William Faulkner

O autor William Faulkner - AP Photo/FILE
O autor William Faulkner Imagem: AP Photo/FILE

28/03/2013 18h17

Cartas, manuscritos e desenhos do escritor americano William Faulkner, de valor estimado em 2 milhões de dólares e alguns dos quais eram considerados perdidos, serão leiloados em julho em Nova York, anunciou nesta quinta (28) a casa Sotheby's. Trata-se do "mais amplo e importante conjunto de material de William Faulkner que já foi posto à venda", informou a Sotheby's em um comunicado.  

"Uma parte da coleção só foi descoberta recentemente na propriedade da família na Virgínia (leste dos EUA), inclusive um certo número de documentos que se temiam perdidos", informou a casa de leilões. A estrela do leilão será o rascunho de seu discurso de aceitação do Prêmio Nobel de Literatura em 1949, junto com a medalha e o diploma correspondentes (estimados em 500.000 dólares). Outro destaque será o escrito de 12 páginas "The Trapper's Story", que nunca foi publicado, avaliado de 30.000 a 50.000 dólares, e o original de seu livro de poesia, "Visions in Spring" (entre 100.000 e 150.000 dólares), obra publicada em 1984, mais de 20 anos após a sua morte.

O vice-presidente do departamento de livros e manuscritos da Sotheby's, Justin Caldwell, afirmou que o material "é notável pela nova percepção que brinda sobre o modo no qual Faulkner explorou seu futuro artístico na década de 1920 em Paris, como seus princípios influíram no conteúdo de seus romances e como lutou com a vida em Hollywood". 

O leilão será celebrado em 11 de junho e antes o material será exibido em Paris e em Nova York. William Faulkner (1897-1962) é considerado um dos escritores mais importantes do século XX. Entre suas obras mais conhecidas estão "O Som e a Fúria" (1929), "Enquanto Agonizo" (1930) y "Absalão, Absalão" (1936).

Ele também escreveu relatos, poemas e roteiros de cinema para filmes como "Tener ou não tener" (1944), dirigida por Howard Hawks e protagonizada por Lauren Bacall e Humphrey Bogart.