PUBLICIDADE
Topo

Tate Modern de Londres bate novo recorde de visitantes em 2012

Visitante observa tubarão preservado em formol em exposição na galeria Tate Modern em Londres - Ben Stansall/AFP
Visitante observa tubarão preservado em formol em exposição na galeria Tate Modern em Londres Imagem: Ben Stansall/AFP

De Londres

08/01/2013 16h39

A Tate Modern de Londres atraiu um total de 5,3 milhões de visitantes em 2012, um recorde desde a sua abertura em 2000, que representa um aumento de 9,5% em relação ao ano anterior, segundo dados divulgados pelo próprio museu.

Este "ano excepcional", como definiu o vice-diretor da rede de galerias Tate, Alex Beard, se deve principalmente à primeira grande retrospectiva do 'enfant terrible' da arte britânica Damien Hirst e à inauguração dos "Tanks", antigos depósitos de combustível da central elétrica convertida em museu de arte moderna às margens do Tâmisa.

A entrada no Tate, museu de arte contemporânea mais visitado do mundo, é gratuita para a coleção permanente, mas as exposições temporárias geralmente são pagas.

A de Hirst, com seus tubarões em formol e seu crânio de diamantes, foi vista por um total de 463.000 pessoas entre abril e setembro.

Concebida inicialmente para dois milhões de visitantes por ano, a Tate Modern está atualmente em meio a um processo de expansão que duplicará seu espaço de exposições.

A Tate Britain, a segunda das quatro galerias da rede, que possui uma importante coleção de arte britânica, registrou uma afluência de 1,53 milhão de pessoas, 4,3% a mais do que em 2011.