Entretenimento

Jovens católicos fazem "cruzada" contra Madonna na Polônia

Kenzo Tribouillard/AFP
Madonna é alvo da ira da extrema-direita e de jovens católicos na Polônia Imagem: Kenzo Tribouillard/AFP

17/07/2012 14h45

Após provocar a extrema direita da França, Madonna, esperada para um show em Varsóvia, no dia 1º de agosto, enfrenta a hostilidade de jovens católicos poloneses que lançaram uma petição exigindo o cancelamento de seu show.

A data deste concerto coincide com o 68º aniversário da Revolta de Varsóvia, em 1º de agosto de 1944, contra os ocupantes alemães, uma das mais sangrentas páginas da história da Polônia.

Todos os anos, nesta data, os habitantes de Varsóvia fazem um minuto de silêncio, enquanto as sirenes da cidade tocam às 17h00 (12h00 no horário de Brasília), no mesmo horário em que 30.000 resistentes embarcaram em uma batalha desesperada, que fez 200.000 vítimas em 63 dias.


Uma petição solicitando o cancelamento do show da estrela americana foi lançada na internet por um grupo de jovens católicos, apelidado pelos próprios membros de "a cruzada dos jovens". Nesta terça-feira, cerca de 32.000 pessoas já haviam assinado.

"O 1º de agosto é um dia de lembrança na Polônia. Nós honramos aqueles que morreram na revolta e aqueles que sobreviveram. Nós não permitiremos a profanação de nossos símbolos abençoados", diz o texto da petição.

  • Reprodução / Madonna Online

    Madonna aparece quase pelada em show na Itália


Os jovens católicos também denunciam as performances ao vivo da pop star, consideradas como "um ataque contra a fé católica (...) ofendendo Jesus Cristo com a queima de cruzes e usando uma coroa de espinhos".

Procurada pela AFP, Anna Pietrzak, porta-voz da LiveNation, empresa que produz o espetáculo da Madonna, se recusou a comentar sobre o protesto e o número de ingressos vendidos.

O show será realizado no novo Estádio Nacional de Varsóvia, com uma capacidade de 78.000 lugares.

Este estádio está localizado na margem oriental do rio Vístula, onde as forças soviéticas esperaram dois meses até que os nazistas liquidassem a resistência polonesa durante a Revolta de Varsóvia em 1944.

Na França, o principal partido de extrema direita (Frente Nacional, FN), anunciou no domingo que iria registrar uma queixa por injúria contra Madonna, após a projeção em um show no Stade de France, no subúrbio de Paris, um vídeo em que a líder da FN, Marine Le Pen, aparece com uma suástica na testa.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo