Entretenimento

Jornalista do New York Times morre na Síria

17/02/2012 06h35

NOVA YORK, 17 Fev 2012 (AFP) -O jornalista do diário americano New York Times Anthony Shadid, premiado duas vezes com o Pulitzer graças aos seus artigos ricamente elaborados sobre o turbulento Oriente Médio, região que cobriu durante duas décadas, morreu na Síria de um ataque de asma.

Shadid, de 43 anos, havia entrado sorrateiramente na Síria para informar sobre a sangrenta repressão de uma revolta de militantes democratas. O ataque de asma que sofreu na quinta-feira aparentemente foi desencadeado pelos cavalos utilizados pelos guias, indicou o New York Times.

"Anthony morreu como havia vivido, decidido a testemunhar sobre a transformação que o Oriente Médio está sofrendo e sobre o sofrimento das pessoas presas entre a opressão governamental e as forças opositoras", escreveu em uma mensagem eletrônica aos funcionários do New York Times a diretora-executiva deste jornal, Jill Abramson.

Ganhou dois Prêmios Pulitzer - a maior honra no jornalismo americano - em 2004 e 2010 por sua cobertura da invasão do Iraque, dirigida pelos Estados Unidos, e o caos posterior neste país, para o Washington Post.

Shadid era um americano descendente de libaneses que dominava o idioma árabe, e documentou a guerra com histórias comoventes do povo iraquiano em seu livro "Night Draws Near: Iraq’s People in the Shadow of America’s War", publicado em 2005.

Recentemente, cobriu as revoltas que atingiram o mundo árabe do Egito, Síria e Líbia, onde ele e outros jornalistas do New York Times foram detidos e maltratados pelas forças leais a Muamar Kadhafi.

Começou sua carreira no escritório do Cairo da agência de notícias Associated Press, de 1995 a 1999. Depois, trabalhou para o Boston Globe e para o Washington Post.

Shadid era casado e tinha dois filhos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo