Entretenimento

Protesto em Israel contra leis 'antidemocráticas' do governo

22/11/2011 20h51

TEL AVIV , Israel, 22 Nov 2011 (AFP) -Cerca de 2.000 manifestantes de esquerda protestaram nesta terça-feira à noite em Tel Aviv para denunciar "a onda de leis antidemocráticas" do governo de direita de Benjamin Netanyahu, constatou a AFP.

A polícia indicou a participação de centenas de manifestantes, e o movimento anticolonização Paz Agora, um dos organizadores do protesto, contabilizou 5.000 pessoas.

Alguns dos participantes usavam uma mordaça como forma de protesto.

Os oradores denunciaram a "onda de macarthismo" e os "ataques contra as bases da democracia israelense".

A coalizão no poder em Israel, formada por partidos de direita e de extrema direita, lançou uma ofensiva legislativa contra veículos da imprensa considerados muito críticos às autoridades, contra a Suprema Corte, acusada de ser um reduto da oposição, e contra as ONGs de orientação esquerdista.

Na segunda-feira à noite, a Knesset (parlamento) aprovou em primeira leitura um projeto de lei que agrava de forma draconiana as sanções contra os autores de textos considerados "difamatórios".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo