Entretenimento

Para Oliver Stone, não há democracia nos EUA, mesmo com Obama

19/11/2011 16h23

ARGEL, 19 Nov 2011 (AFP) -O cineasta americano Oliver Stone declarou este sábado, em Argel, que os Estados Unidos não vivem na democracia, mesmo sob a presidência de Barack Obama, eleito em 2008, e criticou Wall Street, a atitude bélica americana e a indiferença de seus compatriotas com relação ao resto do mundo.

Em entrevista coletiva em francês, intercalada por algumas expressões em inglês, Stone, cuja mãe é francesa, disse que os "indignados" americanos que protestam contra Wall Street deveriam deslocar seu movimento de protesto contra o sistema financeiro "a Washington e não a Nova York, para ter maior impacto".

Segundo o diretor de filmes como "Wall Street, poder e cobiça" (1987) e "Wall Street: o dinheiro nunca dorme" (2010), é assim que as pressões sobre os políticos para sanear o sistema financeiro serão "eficazes".

O cineasta, cujo pai é um ex-operador financeiro de Wall Street, foi convidado ao festival de cinema autoral de Argel, que começa no próximo dia 29. Ele se disse "consternado de ver como o dinheiro é venerado pelos americanos" e com os efeitos da crise econômica.

"A classe média (americana) é a primeira vítima, mas nada consegue mexer com o sistema" americano, ao qual qualificou de "não-democrático, mesmo depois da chegada de Obama" ao poder.

O cineasta denunciou "30 anos de mentiras" contadas nos Estados Unidos, e mencionou a guerra do Vietnã, que o inspirou a dirigir "Platoon" (1986). Segundo ele, os americanos viveram com a ideia de que "o comunismo vai dominar o mundo", enquanto ele caiu em 1989.

Interrogado sobre o apoio americano a Israel, Stone afirmou que "não se pode falar disso nos Estados Unidos. Há um poder tal, o dinheiro, a imprensa e o lobby são tais que os fatos, a verdade, não aparece", disse.

Stone, de 65 anos, julgou seus compatriotas com severidade.

"Os americanos não estão tão interessados nos problemas do exterior", disse. "Não têm empatia por eles", acrescentou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo