Entretenimento

Brasil em destaque na Feira PINTA de arte em Nova York

France Presse

11/11/2011 17h21

NOVA YORK, EUA, 11 Nov 2011 (AFP) -Depois de Londres, a feira PINTA de arte moderna e contemporânea retornou nesta semana a Nova York, trazendo como convidado especial o artista Antonio Manuel, morador do Rio de Janeiro.

"A arte brasileira está em muito boa posição, em estado de criatividade muito alta. É um grande momento. Há muito trabalho", disse ele à AFP.

Antonio Manuel é conhecido pelo trabalho vanguardista dos anos 60 e 70, combinando arte neoconcreta, pop e conceitual.

Participam, também, da mostra, os artistas brasileiros Cildo Meireles e Anna María Maiolino.

Para Antonio Manuel, ser convidado é uma honra que permite a ele mostrar o trabalho atual e suas experimentações com cinema e pintura.

"Estou atuando, não representando. A arte para mim é uma possibilidade de comunicação. É um processo criativo que passa por mudanças, como a própria vida, pelo que não posso prever o que será o meu trabalho daqui a 10, 15 anos", explica.

Neste ano, a feira tem como curador Jacopo Crivelli Visconti, um crítico de artes italiano que vive em São Paulo.

Os organizadores da PINTA, nascida em 2007, acreditam que a nova edição vá consolidar a inserção da arte latino-americana no cenário internacional.

"A arte latino-americana está passando por um bom momento e isto tem a ver com as economias de seus países que também a impulsionam", informou em entrevista à AFP o presidente da PINTA, Alejandro Zaia.

Além de artistas americanos, participam representantes de Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Chile, Cuba, México, Peru, República Dominicana e Venezuela.

"Quando se fala de arte latino-americana, a PINTA tornou-se uma referência. É muito mais que uma feira; é um projeto que dá, nesta cidade, uma enorme visibilidade (...) à arte latino-americana", explicou Zaia.

Sobre os artistas latino-americanos contemporâneos, Zaia assinalou que, ao contrário do ocorrido há 25 ou 30 anos, "têm inserção forte" nos movimentos internacionais, com identidade própria, mas com linguagem e um código comuns".

mar/pl/sd

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo