Entretenimento

Internet sofrerá uma modificação radical com centenas de novos domínios

06/10/2011 14h45

BUENOS AIRES, 6 Out 2011 (AFP) -"A internet está a ponto de experimentar uma mudança drástica que afetará todos os usuários com a incorporação de centenas de novos domínios que se somarão aos 22 já existentes, como os .com e o .net", declarou à AFP um representante da ICANN.

"Trata-se de um programa que cria a oportunidade para que existam novos domínios de primeiro nível, como os .com/.net/.org e outros, e que são conhecidos por gTLDs" (generic Top-Level Domain (gTLD), afirmou o especialista representante da Internet Corporation for Assigned Names and Numbers (ICANN), Rodrigo de La Parra.

Atualmente existem 22 domínios de primeiro nível, mas, a partir de janeiro de 2012, qualquer indivíduo, entidade, empresa ou organização poderá solicitar a propriedade do seu site.

"Isto produzirá uma grande mudança, pois a ICANN espera centenas de solicitações para que exista uma variedade incrível de domínios que acrescentarão competência, inovação e alternativa", acrescentou Parra.

As solicitações serão apresentadas entre o dia 12 de janeiro e 12 de abril, e serão avaliadas. Os novos domínios vão estar disponíveis no prazo de um ano, e poderão ser escritos em qualquer alfabeto, inclusive com símbolos orientais.

"Como ninguém podia prever o sucesso do .com, agora ninguém sabe qual o .'algo' terá mais impacto", comentou o especialista, entusiasmado.

"A idéia é aumentar a opção dos consumidores e a competição do mercado", explicou.

Não há limite de solicitações e poucas em relação a função. Não se pode, por exemplo, pedir ".país" porque já existem terminações de códigos para os países.

Os 22 gTLDs que existem hoje são administrados por 16 empresas que, por sua vez, possuem contratos com milhares de registradores.

"Estamos promovendo o programa na América Latina, porque não existe nenhum domínio de primeiro nível na região", revelou o especialista que participa da XVI reunião anual do Registro de Endereçamento da Internet para América Latina e Caribe (LACNIC).

A ICANN decidiu implementar o programa em maio durante uma reunião em Cingapura e espera que novos registros permitam mais segurança na web.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo