Topo

Entretenimento

Inspiração brasileira cheia de cor e estampas toma passarelas de Londres

17/09/2011 18h16

LONDRES, 17 Set 2011 (AFP) -As duplas britânico-brasileiras Basso and Brooke e Clements Ribeiro encheram de cor e estampas as passarelas da Semana de Moda de Londres, onde a Issa London, uma das marcas favoritas da duquesa de Cambridge, apresentou neste sábado ao ritmo do samba uma coleção inspirada no Rio de Janeiro.

Basso and Brooke, pioneiros das estampas digitais na capital britânica, onde se apresentam no programa oficial desde 2005, não decepcionaram o público que compareceu ao desfile, realizado em um antigo prédio dos correios no centro de Londres.

Como de costume, as estampas foram as grandes estrelas de sua proposta para a moda primavera/verão 2012, em explosivas cores vivas, como laranja, turquesa, violeta, verde e fúcsia, mas, muitas vezes, com nuances de tons mais sóbrios, queimados ou acinzentados, que tornam as roupas mais usáveis

O artista gráfico brasileiro Bruno Basso encontrou inspiração durante uma longa viagem de carro entre Londres e Pequim, no "implacável crepúsculo siberiano, em meio a uma paisagem inóspita e brutal", e salpicou essa dura realidade monocromática com explosões de calor.

Chris Brooke, o britânico, criou a partir dessas estampas naturais ou abstratas vestidos supervaporosos, muitas vezes com drapeados. As calças e os casacos eram mais estruturados, mas mantinham o ar despreocupado das criações da dupla, que já vestiu a primeira-dama americana, Michelle Obama.

As estampas, embora em sua versão menos chamativa, também foram as protagonistas da proposta da dupla Clements Ribeiro, formada pela britânica Suzanne Clements e pelo brasileiro Inacio Ribeiro, que já criaram para a marca francesa Cacharel, no começo da década.

A dupla Clements Ribeiro apresentou uma coleção romântica, na qual dominaram os vestidos e as túnicas de seda com estampas florais e geométricas em tons de azul, coral e cinza. As transparências e as costas nuas deram um toque de elegância às criações, de corte simples e não ajustadas em demasia, sem botões ou zíperes.

Outra brasileira, Daniella Helayel, criadora do famoso vestido azul eleito pela então namorada do príncipe William, Kate Middleton, para o anúncio de seu noivado, em novembro passado, encerrou o segundo dia de desfiles com a refrescante proposta de sua marca, Issa London, na Sommerset House.

Ao ritmo do samba misturado à música eletrônica, a estilista apresentou uma coleção inspirada no Rio de Janeiro, com estampas de frutas, palmeiras e pinguins para o dia, e peças mais fluidas e com decotes generosos para a noite.

Esses três brasileiros são apenas uma pequena amostra dos estrangeiros que apresentam a cada ano suas coleções no programa oficial da semana de moda londrina.

"Muito do que torna a passarela de Londres especial é a sua diversidade", escreveu a nova especialista em moda do jornal "The Times", Laura Craik. "Londres atrai talentos de todo o mundo, que desejam estudar em suas prestigiadas escolas de design."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento