Entretenimento

Sarah Palin recebeu ameaças de morte depois da indicação às eleições em 2008

11/06/2011 12h44

LOS ANGELES, 11 Jun 2011 (AFP) -Sarah Palin recebeu ameaças de morte depois de ser indicada como candidata à vice-presidente na chapa do republicano John McCain nas eleições presidenciais de 2008, segundo e-mails divulgados pelo Estado do Alasca à imprensa americana.

Nessas mensagens, divulgadas com base na liberdade de imprensa, Palin aparece como alvo de várias críticas e ameaças.

"Ela não pertence à NRA (Associação Nacional do Rifle) apenas para apoiar o direito de cada cidadão de ter armas para a defesa pessoal, mas sim para apoiar o direito de cada cidadão branco do Sul de disparar contra pessoas não brancas legalmente", acusa um remetende identificado como Dominique Villacrouz.

"Sarah Palin DEVE MORRER", diz ainda o correio eletrônico divulgado pelo jornal Los Angeles Times.

Em outra mensagem com data de 12 de setembro, um residente da Bélgica pede que disparem contra Palin, dizendo que "apenas nesse momento a justiça será feita".

Os e-mails começaram a ser enviados semanas após ela se tornar conhecida na política nacional, quando foi anunciada vice na chapa de John McCain.

Algumas mensagens pessoais da ex-governadora também foram divulgadas, como respostas a e-mails que a parabenizavam pela escolha para concorrer com McCain.

"Você acredita nisso?", comemorou ela numa mensagem enviada em agosto de 2008.

"Ele me disse ontem, foi tudo rápido", acrescenta o texto destacado pelo The New York.

Os e-mails também mostram que Palin - apontada como possível candidata nas eleições presidenciais de 2012 - nutria profundo desgosto pela imprensa. Numa troca de e-mails, por exemplo, ela e seus assessores reclamaram da avalanche de perguntas sobre seu poema favorito e a câmara de brozeamento que ela tinha em sua residência oficial, quando era governadora do Alaska.

"Arghhhhh!", protestou Palin, frisando que pagou pelo equipamento e que estava "desapontada" com a imprensa.

O Alasca divulgou as mensagens aos jornalistas, ávidos por novidades num momento em que crescem as especulações a respeito da candidatura de Palin à Casa Branca.

Antes de divulgar as mensagens, o Estado do Alasca preparou mais de 2,2 mil páginas inteiras com o material. Palin se mostrou preocupada com a divulgação dos textos.

Palin, no entanto, ainda não confirmou se de fato concorrerá com Barack Obama em 2012. As especulações aumentaram depois que a ex-governadora realizou uma viagem de ônibus pelo país, acompanhada de perto pela imnprensa, que não foi informada dos detalhes e calendário da turnê.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo