Entretenimento

Morre na Alemanha o redator da lista de Schindler

09/06/2011 15h20

BERLIM, 9 Jun 2011 (AFP) -Mieczyslaw (Mietek) Pemper, quem redigiu a lista de Schindler que ajudou a salvar a vida de mais de mil judeus durante a Guerra, morreu na terça-feira aos 91 anos, anunciou nesta quinta-feira a prefeitura da cidade alemã de Augsburgo (sul) onde vivia.

Pemper, nascido de uma família judia da Cracóvia em 1920, vivia desde 1958 nesta cidade da Baviera que o fez cidadão de honra.

Ali foi consultor empresarial e só revelou seu passado durante o período nazista em 1993, quando saiu no cinema o filme "A Lista de Schindler", de Steven Spielberg.

Em março de 1943, prisioneiro, ficou subordinado a Amon Goth, comandante do campo de trabalho forçado de Plaszow, na Cracóvia.

Aí se relacionou com o empresário Oskar Schindler, a quem forneceu uma lista com os nomes de 1.200 judeus internados no campo e que Schindler emprgou nas fábricas de esmalte e munições, salvando-los de morte certa.

Foi a principal testemunha de acusação no julgamento de Amon Goth, em 1946.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo