Topo

Entretenimento

Grécia: "indignados" tomam praça central de Atenas

29/05/2011 15h27

ATENAS, 29 Mai 2011 (AFP) -Milhares de atenienses ocupavam neste domingo a praça central de Atenas, em frente ao Parlamento, no quinto dia de uma mobilização contra a austeridade fiscal, calcada sobre o modelo espanhol dos "indignados".

Às 19h00 locais, uma hora depois do início do encontro, a praça Syntagma estava cheia de jovens, casais e famílias em torno de um acampamento com cerca de 50 barracas, em plena organização, comprovou um jornalista da AFP.

Segundo a polícia, em torno de 20.000 pessoas responderam à convocação, também feita através das redes sociais, para manifestações em toda a Europa, reivindicando "democracia de verdade".

"A maior violência é a pobreza", era lido em um cartaz.

Os manifestantes batiam em panelas vazias, enquanto que o grito de "ladrões!" era repetido várias vezes.

"Estou aqui para dizer que estou farta, não é normal que paguemos pelos erros dos políticos", afirmou à AFP Vivi Villa, uma professora de letras de 34 anos.

"É pouco provável que estas manifestações mudem algo na política atual, mas ao menos teremos dito que não concordamos", completou.

A semente da indignação que levou ao protesto foi lançada há um ano, depois do anúncio de um plano de austeridade fiscal ditado à Grécia pela União Europeia e pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) em troca de ajuda financeira ao país.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento