Entretenimento

Morre o músico Gil Scott-Heron, o 'avô do rap'

28/05/2011 15h11

NOVA YORK, 28 Mai 2011 (AFP) -O músico norte-americano Gil Scott-Heron, autor do famoso rap "The Revolution Will Not Be Televised", morreu na noite de sexta-feira, informou sua gravadora neste sábado.

De acordo com a XL Recordings, o artista - conhecido como "o avô do rap" - tinha 62 anos e faleceu em um hospital de Nova York.

Nascido em 1949, Scott-Heron ficou conhecido inicialmente por sua poesia e discursos no final dos anos 60.

Seus primeiros álbuns, "Pieces of a Man' e "Winter in America", atribuíram a ele influência em relação aos músicos de hip hop. A música "The Revolution Will Not Be Televised", gravada no final dos anos 70, o tornou mundialmente famoso. Grande parte das canções de Scott-Heron traz letras inspiradas na sua luta contra o vício das drogas e álcool.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo