Entretenimento

Museu Leopold paga US$ 5 milhões a herdeira espoliada por nazistas na Áustria

EFE/Leopold Museum
Imagem da obra "Haeuser am Meer" (Casas ao Mar), de Egon Schiele, recuperada pelo museu Leopold Imagem: EFE/Leopold Museum

11/05/2011 11h23

VIENA, 11 Mai 2011 (AFP) -O museu Leopold de Viena concluiu um acordo com uma herdeira de uma colecionadora de arte no qual se compromete a compensá-la com cinco milhões de dólares (3,48 milhões de euros) por um quadro de Egon Schiele espoliado pelos nazistas e que forma parte da coleção do museu.

O museu comprometeu-se a pagar esta soma pelo quadro do expressionista austríaco "H'user am Meer" (Casa no mar), de 1914, anunciaram nesta quarta-feira a fundação do museu e o advogado da herdeira.

O quadro, confiscado em 1938, pertencia à industrial e colecionadora de arte Eugenie Steiner, que partiu da Áustria para a França e posteriormente aos Estados Unidos pouco depois do Anschluss. O quadro foi vendido em leilões em 1941 e adquirido em 1955 por Rudolf Leopold, fundador do museu atual.

Os descendentes de Steiner tentaram obter a restituição da obra, mas o museu Leopold, instituição privada, não está incluído na lei de 1998 sobre a restituição de objetos de arte espoliados pelos nazistas.

O museu preferiu indenizar os herdeiros e comprometeu-se a colocar um texto explicativo junto à obra que esclareça que o quadro e seu proprietário foram espoliados pelos nazistas.

O acordo foi concluído com apenas uma herdeira, que tem direito a um terço do valor da obra, estimada em 25 milhões de dólares. Os outros dois grupos de herdeiros que podem pedir a compensação rejeitaram a proposta do museu.

O museu Leopold já pagou no ano passado 15 milhões de euros para recuperar o "Retrato de Wally", a amante do pintor, 12 anos após sua apreensão em Nova York devido à origem da obra. Este gasto obriga o museu a vender em leilões no mês de junho uma paisagem de Schiele intitulada "H?user mit bunter W?sche (Vorstadt II)" (Casas com roupas coloridas) para obter liquidez.

Egon Schiele (1890-1918) é um dos principais pintores expressionistas austríacos, junto a Gustav Klimt e Oscar Kokoschka, membro do movimento Secessão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo