Entretenimento

Apple retira aplicativo denunciado como homofóbico

23/03/2011 19h15

SAN FRANCISCO, 23 Mar 2011 (AFP) -A organização americana Exodus International, que tem como missão ajudar as pessoas a "libertar-se da homossexualidade, se assim o desejarem", anunciou nesta quarta-feira que seu aplicativo foi retirado da Apple.

"Estamos extremamente decepcionados de saber que a Apple nos negou uma presença equitativa em praça pública", disse o presidente da Exodus International, Alan Chambers, em comunicado.

A Exodus se considera uma organização cristã "que ajuda os que lutam contra a indesejada atração pelo mesmo sexo a viver uma vida de acordo com os ensinamentos bíblicos".

O autor do aplicativo Exodus recebeu na noite de terça-feira o aviso da Apple de que seu programa seria retirado de suas transmissões on-line porque o considerava "insultante para um amplo leque de pessoas", segundo a associação.

A Apple estaria pressionada por uma petição assinada por 146.000 pessoas que pediam que suprimisse o programa acessível até então no iPhone, nos tablets iPad e no iPod.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo