Topo

Entretenimento

Arte pré-colombiana registra três recordes mundiais em leilão em Paris

21/03/2011 21h02

PARIS, 21 Mar 2011 (AFP) - Uma coleção de arte pré-colombiana, incluindo a escultura de uma divindade maia e figuras do Estado mexicano de Guerrero, foi leiloada nesta segunda-feira na sala Drouot, em Paris, por mais de sete milhões de euros, acima das previsões.

A coleção de 200 obras, feita durante 30 anos por um industrial suíço, Henry Law, foi arrematada por 7.452.914 euros (US$ 10,6 milhões),  reportou a AFP.

Segundo Jacques Blazy, especialista de arte pré-colombiana, a escultura policromada de um deus do período clássico tardio (550-950 A.D) bateu o recorde mundial de uma peça maia, ao ser vendida por quase três milhões de euros (US$ 4,2 milhões).

Não foi dada nenhuma informação sobre o comprador. "Só podemos adiantar que o comprador da 'Grande Divinidade Sentada', foi um europeu", acrescentou Blazy.

Também uma figura olmeca, verde e branca, do período pré-clássico (300-100 antes de Cristo), bateu um recorde mundial ao ser arrematada por 900 mil euros (US$ 1,28 milhão).

O lance para uma terceira peça "El yugo de Tres Caras", representação votiva da cultura de Veracruz, chegou a 283.500 euros (US$ 403 mil dólares).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento