Entretenimento

Irã liberta dois jornalistas alemães detidos em outubro

19/02/2011 14h12

TEERÃ, 19 Fev 2011 (AFP) -Dois jornalistas alemães presos no Irã desde outubro foram libertados, anunciou neste sábado a agência oficial IRNA, acrescentando que o ministro das Relações Exteriores alemão Guido Westerwelle chegará a Teerã na noite deste sábado.

"Os dois acusados detidos em Tabriz foram liberados e voltarão ao seu país", disse a principal autoridade judicial da província iraniana do Azerbaijão Oriental.

A IRNA também informou que o ministro alemão deve desembarcar daqui a algumas horas na capital iraniana.

Os dois jornalistas foram detidos em Tabriz quando entrevistavam o filho e o advogado de Sakineh Mohammadi-Ashtiani, mulher iraniana cuja condenação à morte por apedrejamento mobilizou o mundo ocidental.

As autoridades iranianas acusam os dois alemães de não terem pedido autorização especial do ministério da Cultura, necessária para trabalhar no país.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo