Entretenimento

Site fechado pela segurança jordaniana é reaberto

07/02/2011 15h29

AMÃ, 7 Fev 2011 (AFP) -O principal site jordaniano de informação, Ammonnews, fechado nesta segunda-feira por ordem dos serviços de segurança da Jordânia segundo seu redator-chefe, Basel Okoor, foi reaberto horas mais tarde.

O fechamento aconteceu no dia seguinte à publicação, por parte da web www.ammonnews.net, de um comunicado de personalidades críticas em relação ao poder.

Tãologo foi reaberto, o site publicou denovo o mesmo comunicado, mas suprimino os parágrafos mais violentos sobre a família real, segundo comprovou um jornalista da AFP.

"Ammonnews foi totalmente 'hackeado' e fechado. A única parte com capacidades técnicas para fazê-lo são os serviços secretos jordanianos", declarou Okoor anteriormente.

"Recebemos uma mensagem hoje que dizia: 'vocês estão trabalhando contra os interesses do país, vamos hackeá-los', o que aconteceu minutos mais tarde", acrescentou Okoor.

Ammonnews já havia anunciado na véspera ter sido alvo de ataques de hackers por ter publicado um comunicado de 36 personalidades pertencentes a grandes tribos jordanianas, coluna vertebral do regime.

O comunicado criticava com violência a crise do poder e a profunda corrupção na jordânia, acrescentando que "o reino conhecerá mais cerdo ou mais tarde uma revolta popular".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo