Entretenimento

Egito: Unesco pede respeito ao patrimônio cultural e liberdade de expressão

01/02/2011 09h34

PARIS, 1 Fev 2011 (AFP) -A diretora geral da Unesco, Irina Bokova, lançou nesta terça-feira um apelo para que "se proteja o patrimônio cultural do Egito, e se respeite a liberdade de expressão".

Em um comunicado, Bokova manifestou sua compaixão pelas vítimas do "protesto cívico", e deplorou os mortos nas manifestações, antes de pedir que o patrimônio cultural egípcio, "símbolo da identidade nacional" e "legado ancestral da humanidade", seja respeitado.

"Uma boa prova disse é esse cordão humano de proteção que centenas de cidadãos formaram em torno do museu para protegê-lo", destacou Bokova, aludindo à iniciativa de jovens egípcios em relação ao Museu Egípcio do Cairo, que guarda verdadeiras relíquias da antiguidade.

Na nota, a diretora da Unesco expressa também "sua preocupação com a situação da livre circulação da informação e da liberdade de imprensa" no Egito, criticando a suspensão dos acesso à internet, o bloqueio da imprensa e os espancamentos de jornalistas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo