Topo

Entretenimento

Mineiro chileno foi o astro na premiação da televisão britânica

27/01/2011 09h54

LONDRES, 27 Jan 2011 (AFP) -Um dos 33 homens que sobreviveram durante mais de dois meses nas profundidades de uma mina do norte do Chile, Luis Urzúa, recebeu na noite de quarta-feira uma ovação de pé durante a cerimônia de entrega dos Prêmios Nacionais da Televisão britânica.

Luis Urzúa, que atuou como líder durante o soterramento na mina de San José, foi o encarregado de entregar o prêmio de melhor série dramática para "Waterloo Road", uma produção da BBC.

Ao subir ao palco, Unzúa, elegantemente vestido para a ocasão, recebeu uma ovação do público, que o aplaudiu de pé.

Depois, nos bastidores, o topógrafo chileno falou dos planos de levar a história dos mineiros para o cinema.

"Estou muito contente de mostrar ao mundo o que é estar debaixo da terra durante 70 dias", declarou Urzúa, que foi o último a sair da mina em 14 de outubro depois de um longo resgate acompanhado pelas televisões de todo o mundo.

O diretor chileno Rodrigo Ortúzar trabalha atualmente com a produção de "Los 33", cuja estreia está prevista para 2012, mas também há um grande interesse em Hollywood em adquirir os direitos da história dos heroicos chilenos.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento