Entretenimento

Skype volta ao normal após problema técnico

23/12/2010 19h19

WASHINGTON, 23 dez 2010 (AFP) -O serviço de telefonia por internet Skype informou esta quinta-feira que estava retornando à normalidade, após ter sofrido um problema técnico na véspera.

O diretor-geral do Skype, Tony Bates, redigiu em seu blog, às 17H00 GMT (15h00 de Brasília), que umas 16,5 milhões de pessoas no mundo estavam conectadas ao serviço, o que significa 80% do tráfego normal.

Bates pediu "mil desculpas" pelos problemas técnicos iniciados na quarta-feira e que impediram que quase todos os usuários do Skype conversassem pela internet.

"Foram 24 horas muito difíceis para muitos dos nossos usuários", admitiu, acrescentando que os engenheiros da companhia haviam "estabilizado as principais funções do site (mensagens instantâneas e conversas de áudio e vídeo)".

O grupo levará mais algum tempo para consertar outros serviços, como as teleconferências, acrescentou.

O diretor anunciou que sua empresa tem previsto entregar vales de crédito para as comunicações a seus clientes com a finalidade de reparar os danos causados.

O Skype, fundado em 2003, dá uma opção à telefonia convencional ao permitir conexões de voz e vídeo pela internet, possibilitando aos usuários da internet ligar para outros gratuitamente e se conectar a redes fixas ou móveis a baixo custo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo