Topo

Música

Rapper Soldier Kidd diz que morte de XXXTentacion acabou com sua carreira

Instagram/Reprodução
Fãs de XXXTentacion seguem perseguindo Soldier Kidd Imagem: Instagram/Reprodução

Osmar Portilho

Colaboração para o UOL

22/07/2018 12h24

O rapper Soldier Kidd divulgou um vídeo em suas redes sociais afirmando que sua carreira foi prejudicada pelo assassinato de XXXTentacion, no último mês. De acordo com o TMZ, alguns fãs acusaram Kidd de estar envolvido na morte, já que ele havia postado uma imagem em que aparecia com uma arma em uma lanchonete distante apenas sete minutos do local do crime.

Embora ele não esteja sendo indiciado - quatro suspeitos respondem pelo assassinato - , ele chegou a ser investigado pela polícia e continua sofrendo perseguição por alguns fãs de XXXTentacion.

"Teve um impacto negativo na minha carreira. Está mais difícil de estourar minha música. Muita gente ainda acha que eu tive algo a ver. É claro que não tive nada com isso. Estou feliz que pegaram os caras porque agora as pessoas sabem realmente quem foi", disse ele no Instagram.

Na ocasião, a polêmica seguiu porque uma mixtape do rapper se chama "XXX". Em outro post no Instagram, Kidd postou uma foto com um amigo onde é vista uma máscara vermelha, um dos itens ditos pelas testemunhas usadas pelos assassinos de Tentacion.

"Embora eu esteja recebendo toda essa negatividade, eu faria tudo de novo", completou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!