Topo

Música

Disco dançante, Iggy Pop, agressão: o Qotsa antes de voltar ao Brasil

Fernando Maia/UOL
24.set.2015 - Queens of the Stone Age se apresenta no palco Mundo no quarto dia do Rock in Rio 2015 Imagem: Fernando Maia/UOL

Do UOL, em São Paulo

22/02/2018 04h00

Depois de bater cartão no Brasil de 2013 a 2015, o Queens of the Stone Age --ou apenas Qotsa-- reencontra os fãs brasileiros do país a partir deste próximo domingo (25), em turnê com o Foo Fighters. Mas desde a última passagem da banda para cá, muita água rolou neste caminho.

O Queens of the Stone Age volta para promover seu mais novo disco, "Villains", que foi elogiado pela crítica e boa parte do público. O primeiro show é no Rio, neste domingo, no estádio do Maracanã. Em seguida, a banda toca em São Paulo (27 e 28/02, no Allianz Parque), Curitiba (02/03, na Pedreira Paulo Leminski) e Porto Alegre (04/03, no Estádio Beira-Rio).

"Villains" foi lançado em agosto de 2017 e apareceu no top 10 de listas de melhores do ano de veículos grandes como "Classic Rock", "Mojo" e "Rolling Stone". Mas o álbum sofreu atrasos em relação ao esperado e foi até precedido por um projeto paralelo do líder do grupo, Josh Homme, com Iggy Pop.

Pequeno hiato

Depois de lançar "...Like Clockwork" em 2013, Homme começou a falar em um disco sucessor para sair no ano seguinte, deixando os fãs na expectativa. Naquele mesmo ano, a banda tocou no Lollapalooza, no Brasil. Em 2014, foi a vez de uma passagem como banda principal por São Paulo e Porto Alegre. E em 2015, foi uma das atrações principais do Rock in Rio na noite liderada por System of a Down.

A surpresa veio quando a banda informou, em 2016, que iria fazer uma pausa na carreira. Por sorte, durou pouco: eles entraram em estúdio de janeiro a março de 2017 e saíram com "Villains" em agosto. O ponto de tensão foi com o anúncio de Mark Ronson como produtor, que deixou fãs temendo por uma pegada mais pop no som da banda. De fato, "Villains" dividiu opiniões, mas o single "The Way They Used To" tem 29 milhões de audições no Spotify, uma marca de respeito.

Projetos paralelos

O hiato ficou mais compreensível com o surgimento de dois projetos paralelos de integrantes do Qotsa. O destaque maior foi o álbum "Post Pop Depression", álbum de estúdio de Iggy Ppo em que Josh Homme contribuiu nas composições, produções, voz, guitarra, baixo, bateria e o que mais conseguiu colocar as mãos. O disco saiu em março de 2016.

Já o guitarrista Troy van Leeuwen entrou para o supergrupo Gone is Gone, com outros famosos, como Troy Sanders, do Mastodon.

Agressão em pleno show

O que ninguém entendeu: em dezembro do ano passado, durante um show em Los Angeles, Josh Homme chutou uma fotógrafa enquanto tocava uma canção. A agressão foi registrada em vídeo e viralizou, junto a um post da profissional, Chelsea Lauren: "Eu estava onde era permitido estar, não estava quebrando nenhuma regra. Eu estava simplesmente tentando fazer meu trabalho", relatou ela, que foi para o hospital com um hematoma em um olho e náuseas.

Homme se pronunciou sobre o ocorrido duas vezes, com um pedido de desculpas: "Na noite passada, eu chutei a câmera de uma fotógrafa e a câmera a atingiu no rosto. O nome dela é Chelsea Lauren. Eu gostaria de me desculpar com Chelsea Lauren. Eu não tenho desculpas ou uma razão para justificar. Eu fui um total idiota". Pegou muito mal para Homme, mas a banda seguiu em turnê e completou algumas datas nos EUA em janeiro e fevereiro, antes desta nova viagem ao Brasil.

O que esperar?

Pelo que vem apresentando nos últimos shows, o Queens of the Stone Age vai apostar em muitas músicas de "Villains". Nos últimos shows, o número de faixas do álbum variou entre cinco e seis. A diferença é que a banda vinha se apresentando como headliner, então o tempo deve ser um pouco reduzido no Brasil. Ainda assim, clássicos como "No One Knows", "I Sat by the Ocean" e "Go With the Flow" não devem ficar fora do repertório.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!