PUBLICIDADE
Topo

De Scorsese a Ryan Reynolds: 5 produções da Netflix que vão bombar em 2019

Fachada do escritório da Netflix em Los Angeles - Divulgação/Netflix
Fachada do escritório da Netflix em Los Angeles Imagem: Divulgação/Netflix

Felipe Branco Cruz

Do UOL, em São Paulo

25/08/2018 04h00

Em 2018, a Netflix deverá atingir a marca de mil programas originais em sua programação. Tem séries de TV, filmes e documentários para todos os públicos, desde infantil até adultos, passando também por gêneros, como comédia, romance e terror.

Já passamos da metade do ano e os anúncios dos lançamentos da Netflix para 2019 começaram a surgir. Alguns deles são tentadores. Tem filme de gângster dirigido por Martin Scorsese e thriller de ação com Ryan Reynolds, dirigido por Michael Bay.

Tem até produções brasileiras, como a série "Sintonia", dirigida por KondZilla, que mostrará a interconexão da música, tráfico de drogas e religião em São Paulo.

Já deu para entender que opções não faltam, mas as cinco dicas a seguir prometem bombar na plataforma de streaming no ano que vem.

5 estreias originais da Netflix em 2019

  • "The Irishman"

    Cinco anos atrás, quem dissesse que Martin Scorsese faria filmes para serem lançados direto no streaming seria chamado de louco. Vencedor em 2007 do Oscar de melhor diretor por "Os Infiltrados", Scorsese se rendeu ao streaming ao perceber uma mudança de comportamento do público (e também pela grana de US$ 140 milhões que a Netflix injetou em sua produção). Em "The Irishman", o diretor volta às suas raízes em um épico sobre a máfia, estrelado por Robert De Niro, com Joe Pesci, Anna Paquin, Bobby Cannavale, Harvey Keitel e Ray Romano no elenco.

  • "Six Underground"

    O que poderia sair da parceria entre o astro de "Deadpool", Ryan Reynolds, e do diretor de "Transformers", Michael Bay? A resposta é o filme "Six Underground" que será lançado diretamente na Netflix. Os detalhes do enredo ainda não foram revelados, mas com Rhett Reese e Paul Wernick (co-roteiristas de "Deadpool"), não há dúvida de que a história, de alguma maneira, terá muitas explosões e tiroteios. O filme é, até o momento, o mais caro já feito pelo canal de streaming, com um orçamento de US$ 150 milhões.

  • "Sintonia"

    KondZilla foi de seu canal do YouTube, com milhões de visualizações, para o streaming da Netflix. O diretor, famoso pelos clipes de funk, está produzindo para 2019 uma série de 8 episódios que contará, da perspectiva de três personagens, a interconexão da música, tráfico de drogas e religião. Os fãs do diretor estão curiosos para saber como ele se sairá em uma produção diferente dos clipes e se conseguirá atrair tanta gente para a Netflix como atraiu para o YouTube.

  • "Jinn"

    Há na cultura muçulmana a crença em uma entidade sobrenatural, chamada de jinn, popularmente traduzida como "gênio", que ficou muito conhecida nos contos de "1001 Noites". "Jinn" será a primeira série original árabe da Netflix e terá roteiro de Bassel Ghandour (na foto), indicado ao Oscar por "O Lobo do Deserto". Prevista para ser lançada em seis episódios, ela contará a história de um ser sobrenatural convocado para a Terra na forma de um adolescente em Petra, na Jordânia. Ele terá que se juntar à humanidade para salvar o mundo.

  • "Dolemite Is My Name"

    Os fãs órfãos de Eddie Murphy terão um motivo para celebrar a chegada de 2019. O comediante voltará a atuar no novo projeto "Dolemite Is My Name". Nele, Murphy contará a história real do comediante Rudy Ray Moore, que fez sucesso nos anos 1970 e seguiu carreira no stand-up. O elenco de apoio contará com astros como Wesley Snipes e Keegan Michael Key. Chris Rock também foi visto no set usando uma roupa dos anos 1970, mas seu nome ainda não apareceu nos créditos oficiais.