Topo

Geek

10 referências que só os fãs atentos de "Star Wars" vão notar em "Han Solo"

Jonathan Olley /Lucasfilm Ltd.
Han Solo: Uma História Star Wars Imagem: Jonathan Olley /Lucasfilm Ltd.

Natalia Engler

Do UOL, em São Paulo

27/05/2018 04h00

Vamos ser sinceros: “Han Solo: Uma História Star Wars” chega perigosamente perto de ter trama de menos e fan service demais (aquelas coisas colocadas nos filmes especialmente para agradar aos fãs, mas que nem sempre são tão necessárias para a história).

É até compreensível em um filme que se presta a contar a vida de um dos principais personagens do universo “Star Wars” (aqui interpretado por Alden Ehrenreich) antes de ele se tornar uma lenda, mas esses momentos são tão numerosos que às vezes parece que diretor e roteiristas estão sempre dando uma piscadinha para o público.

Os fãs mais hardcore de “Star Wars” não devem deixar nenhuma dessas referências passar batido, mas se você é um espectador um pouco menos atento e não se deu conta de que estava tudo lá, não se preocupe, estamos aqui para te ajudar.

ATENÇÃO, SPOILERS! SE VOCÊ NÃO QUER SABER DETALHES DE “HAN SOLO”, NÃO CONTINUE A LEITURA

  • Reprodução

    Dados da sorte

    Difícil não lembrar dos dados da sorte que Han Solo sempre manteve no console da Millennium Falcon, ainda mais depois de eles aparecerem em "Star Wars: Os Últimos Jedi" (para quem não lembra: Luke os recolhe da nave quando Rey chega a Ahch-To para convencê-lo a treiná-la; mais tarde, no fim do filme, a "projeção" do velho Jedi coloca os dados nas mãos de Leia antes de partir para a batalha contra Kylo Ren). Eles estão lá, em "Han Solo", desde o início, mostrando que já davam sorte a Han bem antes de ele ganhar a Millennium Falcon de Lando (Donald Glover). Passam temporariamente para as mãos de Qi'ra (Emilia Clarke), a companheira de juventude de Han, quando os dois se separam, e depois voltam para as mãos de seu dono original.

  • Reprodução

    Corellia

    Já tínhamos ouvido falar muito no planeta natal de Solo, mas é só aqui que ele aparece pela primeira vez, como um planeta industrial, onde se produz naves em grande escala, com forte presença do Império e um submundo dominado pelo crime organizado.

  • Divulgação

    Blaster

    Han Solo sempre foi um homem de hábitos, apegado não só à sua nave, como também à sua arma de preferência, que ele carregou por décadas, até a morte. Não por acaso, o famoso blaster preto foi a primeira arma própria de Han, um presente do dublê de mentor, o também contrabandista Beckett (Woody Harrelson)

  • Divulgação

    Um disfarce familiar

    Se você acha que já viu em algum lugar o disfarce que Beckett escolhe para se fingir de segurança de Qi'ra nas minas de Kessel, é porque realmente viu. Aparentemente, Lando resolveu guardar o traje e acabou usando em "O Retorno de Jedi", para ajudar Leia a libertar Solo de Jabba, o vilão em forma de lesma. Aliás, essa não é a única referência a Jabba.

  • Divulgação

    Chefão do crime

    Beckett também dá uma dica que vai marcar a trajetória de Han: a de que um chefão Hutt do crime, baseado em Tatooine, está à procura de contrabandistas e outro contraventores para prestarem serviços. Já sabemos onde isso vai acabar, certo?

  • Jonathan Olley /Lucasfilm Ltd.

    Pressentimentos

    Solo costuma ter maus pressentimentos sobre coisas como compactadores de lixo, Ewoks e rathtars à solta. Mas o jovem Han, ainda não tão calejado pela vida, é uma pessoa mais otimista do que sua versão mais velha e pode dizer com tranquilidade e confiança: "Tenho um bom pressentimento sobre isso". Mesmo que esteja prestes a se enveredar pela parte mais cheia de obstáculos do famoso Percurso de Kessel, que mais tarde ele vai se gabar de ter completado em 12 parsecs (na verdade, quase 13, mas é bem a cara de Han contar vantagem).

  • Lucasfilm

    Scarif

    Quem assistiu a "Rogue One: Uma História Star Wars" sabe que o planeta tropical de Scarif é sede de uma base do Império fortemente protegida. Aqui, ela é citada como uma possível fonte do combustível coaxium, que Han e seus companheiros precisam roubar para pagar uma dúvida. Essa opção é logo descartada justamente por ser uma fortaleza quase impossível de ser penetrada.

  • Divulgação

    Ele sabe

    Uma das cenas mais memoráveis de "Star Wars" talvez seja quando Leia finalmente admite que ama Han, antes de ele ser congelado em carbonita, ao que ele responde: "Eu sei". Aqui o sentimento é um pouco diferente: para marcar o início dessa relação meio "amigas e rivais", Lando diz a Han: "Eu te odeio". E sim, ele também já sabia.

  • Reprodução

    Mau perdedor

    C-3PO já havia avisado em "Uma Nova Esperança": é melhor deixar Chewbacca ganhar no jogo de xadrez holográfico, porque wookies são notórios maus perdedores e podem até arrancar o braço de quem os vence. Beckett aparentemente não sabe disso e ganha a partida que joga com Chewie na Millennium Falcon. Felizmente não testemunhamos nenhum desmembramento, apenas uma tentativa do wookie de derrubar as peças holográficas.

  • Divulgação

    A volta de um vilão?

    Uma surpresa em uma das últimas sequências de "Han Solo": a volta do lorde Sith Darth Maul como o verdadeiro chefe do cartel criminoso Aurora Rubra. Nas telonas, Maul aparentemente havia morrido pelas mãos de Obi-Wan Kenobi em "A Ameaça Fantasma", mas a série animada "Star Wars: The Clone Wars" revelou que ele tinha sobrevivido e continuava a serviço do Lado Sombrio da Força.