Topo

Grammy


Discurso de Drake é cortado após ele dizer que músicos não precisam do Grammy

Getty Images
Drake recebe prêmio de melhor canção de rap no Grammy 2019 Imagem: Getty Images

Felipe Branco Cruz

Do UOL, em São Paulo

11/02/2019 12h08

O rapper Drake, que ganhou neste domingo (10) o Grammy de melhor canção de rap por "God's Plan", teve seu microfone cortado no meio do discurso. O rapper, que surgiu de surpresa no palco para receber o troféu, estava nos bastidores da apresentação. Antes, ele tinha dito que não participaria da cerimônia.

O discurso do artista começou com uma reflexão sobre a natureza do mercado musical e mandou um recado para os fãs e indicados: "Eu queria que todos vocês soubessem que este é um esporte baseado em opinião e não baseado em fatos. Este é um negócio onde, às vezes, um grupo de pessoas pode não entender o que um garoto mestiço do Canadá tem para dizer, ou que o uma garota espanhola de Nova York ou um irmão de Houston", disse.

O microfone de Drake foi cortado quando ele começou a criticar as premiações. "Se você tem pessoas que estão cantando suas canções palavra por palavra, se você é um herói em sua cidade natal, se você emprega pessoas, se há outras que saem na chuva e na neve, gastando seu suado dinheiro, para comprar ingressos para os shows, você não precisa disso aqui. Você já ganhou".

Aparentemente, Drake tinha mais a dizer e emendou um "Mas..." quando o microfone foi cortado e o intervalo comercial começou a ser exibido.

Após a polêmica, o Grammy se manifestou e disse que os produtores não cortaram o microfone intencionalmente. "Durante o discurso de Drake, houve uma pausa natural e, naquele momento, os produtores presumiram que ele estava encerrado e cortaram para o comercial. No entanto, os produtores falaram com Drake após o seu discurso e ofereceram para voltar ao palco e terminar o que ele queria dizer. Drake disse que estava feliz com o que disse e não tinha mais nada a acrescentar", informou o Grammy em comunicado oficial.