Topo

Filmes e séries

Em cena de "Legalize Já", Marcelo D2 e Skunk falam de rap e tomam "enquadro"

Reprodução
Renato Góes (Marcelo D2) e Skunk (Ícaro Silva) em imagem de "Legalize Já" Imagem: Reprodução

Osmar Portilho

Colaboração para o UOL

22/09/2018 04h00

Com estreia marcada para o dia 18 de outubro, o filme "Legalize Já - A Amizade Nunca Morre" narrará a história de uma das bandas mais importantes do Brasil por meio da visão de Marcelo -- que ainda não era D2 --, interpretado por Renato Góes, e Skunk, vivido por Ícaro Silva.

Na cena abaixo, exclusiva do UOL, a dupla conversa sobre artistas de rap dos Estados Unidos, como Run  DMC e N.W.A., que foram precursores do movimento tempos antes do Planet Hemp soltar seus primeiros acordes nos palcos do Rio de Janeiro. Para encerrar o relato fielmente aos encontros da dupla, uma sirene de polícia indica uma abordagem das autoridades, o famoso "enquadro".

O longa é dirigido por Johnny Araújo e Gustavo Bonafé e tem roteiro assinado por Felipe Braga. O próprio Marcelo D2 acompanhou de perto a produção do longa-metragem.

"O filme 'Legalize Já' não é só sobre maconha. É uma história de amor. É um grito de liberdade. Um pé na porta. É reconhecer que você tem o seu espaço no mundo. O mundo é meu, o mundo é seu. O mundo é de todos nós", afirmou D2.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!