Topo

Coluna

Chico Barney

Oscar Maroni oferece vale vitalício em sua boate para Sérgio Moro

Amauri Nehn/Photo Rio News
O empresário Oscar Maroni Imagem: Amauri Nehn/Photo Rio News
Chico Barney

Chico Barney

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002.

11/05/2018 20h20

Aqui na Coluna Chico Barney, Oscar Maroni é mais conhecido como o pai da Aritana, popular participante dos mais variados reality shows. Mas na vida lá fora, o empresário é um notório polemista, dono do controverso Bahamas Club e um dos maiores detratores dos governos petistas.

O empresário esteve no "Pânico" da Jovem Pan, programa conhecido pelo primor com que escolhe seus convidados (já estive lá duas vezes, conforme as provas aqui e aqui). Em animado bate-papo, Amanda Ramalho levantou a bola sobre a questão das homenagens que fez a figuras centrais da Operação Lava-Jato na oportunidade da prisão do ex-presidente Lula.

Emílio Surita aproveitou o gancho para perguntar: “Você não acha que a sociedade se incomoda muito com isso? Homenagear o Moro e Carmem Lúcia no Bahamas?”, no que Maroni rebateu: “Sexo é bom e saudável e gostoso. Minha atividade é completamente lícita.”

O diálogo prosseguiu recheado de microfonia. “E tem mais, hein. Eu declarei e declaro de novo que o juiz Sérgio Moro tem um vale vitalício no Bahamas Club. Enquanto funcionar, é a minha homenagem a brasileiros ilustres”, prosseguiu Maroni, que encerrou garantindo o mesmo benefício ao apresentador Emílio Surita.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Newsletters

Receba por email as principais notícias do UOL sem pagar nada.

Quero receber