UOL Entretenimento Notícias
 
21/07/2011 - 19h15

Pintor Lucian Freud, importante representante da arte figurativa, morre em Londres, aos 88 anos


Da Redação*
  • O pintor alemão Lucian Freud

    O pintor alemão Lucian Freud

Lucian Freud, pintor alemão radicado na Inglaterra, conhecido por seus retratos realistas, morreu nesta quarta-feira (20) em Londres, aos 88 anos, segundo informou nesta quinta-feira (21) seu agente nova-iorquino, William Acquavella.

Acquavella explicou em comunicado que o artista morreu ontem à noite em sua residência londrina após uma doença, sem dar mais detalhes.

O agente descreveu Freud como "um dos grandes pintores do século 20" e disse que ele "vivia para pintar e pintou até o dia de sua morte, afastado do barulho do mundo da arte".

Freud já era uma figura importante das artes plásticas londrinas quando, nos anos do pós-guerra, começou a produzir uma série de retratos que o estabeleceram como uma figura proeminente da arte figurativa.

Em 2008, ele se tornou o pintor vivo mais bem cotado, quando seu trabalho "Benefits Supervisor Sleeping" (1995), no qual uma mulher obesa aparece recostada em um sofá, foi leiloado por US$ 33,6 milhões na sede nova-iorquina da casa de leilões Christie's.

Ao ser informado da notícia de sua morte, o diretor do grupo de galerias britânicas Tate, Nicholas Serota, louvou a genialidade do artista.

"A vitalidade da nudez, a intensidade de suas naturezas mortas e a presença de seus retratos garantem a Lucian Freud um lugar único no panteão da arte do século 20 tardio", declarou.

Neto do psicanalista Sigmund Freud, Lucian nasceu em Berlim em 1922 e migrou para o Reino Unido acompanhado da sua família em 1933, quando tinha 10 anos, escapando do início do regime nazista.

* Com agências inernacionais.

 

Veja mais

Fale com
UOL Entretenimento

Siga UOL Entrete

GUIA DE RESTAURANTES

Mais Guias

Hospedagem: UOL Host